ad

►News

latest

Política

política

Filmes

CINEMA

Política

política

TV

TELEVISÃO

Mundo

internacional

Entretenimento

VIDEO

single

Virou notícia!

mundo

Notícias

Agências

Pastor pede que fiéis doem R$ 3 milhões por mês para bancar canal de TV

O apóstolo Agenor Duque, fundador da Igreja Plenitude do Trono de Deus, se inspirou no colega Valdemiro Santiago, da Mundial, e convocou 3.000 fiéis para que sejam doadores fixos de R$ 1.000 mensais, por tempo indeterminado.

O objetivo do dinheiro, segundo tem pregado Duque, é arrecadar o suficiente para bancar a igreja Plenitude na TV aberta. Ela está hoje na Rede do Bem TV, canal 14, transmitido em UHF (que é reproduzido pelas operadoras; na Net, por exemplo, é o canal 192.


Duque repete a estratégia utilizada no ano passado pelo líder da Igreja Mundial, de onde ele, Duque, se desgarrou em 2006 para fundar sua própria igreja. Apesar de ter tido sucesso em sua campanha, Santiago acabou perdendo o espaço que tinha no canal Ideal (também UHF), cuja concessão pertence ao grupo Spring (dono da revista "Rolling Stone"). 

O canal Ideal acabou nas mãos de Edir Macedo. Os R$ 3 milhões mensais que o líder da Plenitude pretende arrecadar se destinam a bancar não só a TV, mas também o espaço em rádios. Em fevereiro do ano passado, por falta de dinheiro, a igreja perdeu seu espaço na TV RBI (Rede Brasil), onde estreou em janeiro de 2015. Devido à concorrência de outras igrejas, que eleva o preço do “aluguel” de horários, Duque não tem conseguido entrar na TV aberta comercial. Aliás, nem tampouco Santiago. 

Os dois não conseguem competir com o poderio econômico da Igreja Universal, que tem comprado praticamente todos os horários disponíveis e canais na TV aberta (como o 21, da Band).Não há uma estimativa oficial de quantos fiéis têm a igreja Plenitude no país. A igreja estima ter 30 mil seguidores só em São Paulo. 

Não é incomum que ela atraia 7.000 pessoas em seus cultos. Com uma linha neopentecostal, que prega milagres, dono de uma forte retórica, a igreja Plenitude vem crescendo muito nos últimos anos, e Duque é atualmente uma das grandes pedras no sapato da Igreja Mundial, pois tem atraído muito nos últimos anos, e Duque é atualmente uma das grandes pedras no sapato da Igreja Mundial, pois tem atraído muitos fiéis da igreja de Valdemiro Santiago. 

Gospel Channel

Elaine de Jesus grava clipe na Times Square

Elaine de Jesus está preparando uma serie de lançamentos de vídeo clipes novos para esse ano. As músicas são de álbuns consagrados, e também de seu recente EP "Pearl".



Manifestation of Glory foi gravado em Nova York na Times Square, uma das avenidas mais conhecidas mundialmente, que já foi inclusive cenário para vários filmes.



Assista o teaser de Manifestation of Glory gravado na Times Square CLICANDO AQUI

Gospel Channel

Fogo em Brasília






35 mil manifestandes de oposição ao governo Temer, foram as ruas na tarde dessa Quarta-Feira, na esplanada dos Ministérios.

Gritos de ordem "Fora Temer", não foram suficiente aos manifestantes que exigem a saída do Presidente Michel Temer, que teve a governabilidade abalada na semana passada, após a delação de Joesley Batista, dono da JBS.

Os manifestantes atearam fogo no prédio do ministério da agricultura e queimaram banheiros públicos na via de ligação ao congresso.

O Congresso Nacional e Palacio do Planalto seguem isolados. Todos os prédios ministeriais foram evacuados.

Gospel Channel Brasil com

Pastor jura ter o número do telefone de Deus

Depois do cara que prometia curar a Aids com inseticida, do que disse ser capaz de aumentar o pênis com um toque divino e do que garantia a cura com óleo de motor, chegou a vez do pastor que diz ter o número de telefone de Deus. 


É isso mesmo! Paul Sanyangore, dos Ministérios Internacionais da Vitória Mundial, do Zimbábue, disse ter o telefone do Todo Poderoso e que foi Ele próprio quem passou o número. Quando essa história viralizou no país, Sanyangore se mostrou surpreso com a reação das pessoas, que estariam “chocadas” pelo fato de ele ter o número do Deus.



“Eu tenho um canal direto. Na verdade, eu tenho seu número e eu posso ligar para Ele quando tiver necessidade”, explicou o pastor que, em fevereiro, apareceu em um vídeo supostamente conversando com Deus durante um culto. “Se os céus falaram com Abraão, por que não conosco? Vocês não têm fé, e as pessoas sempre terão dúvidas, enquanto outras continuarão a receber essas graças”, detonou Sanyangore.

O pastor explicou ao jornal zimbabuano H-Metro que mantém um diálogo com o Deus sempre que necessita tirar dúvidas sobre algum procedimento. Sua próxima missão é criar um programa de televisão, chamado “Céu Online”, no qual as pessoas poderiam ouvir suas conversas com o Ser Supremo. Mas fique susse, porque Sanyangore PRO-ME-TEU que vai revelar os números de Deus ainda neste mês, para as pessoas deixarem de duvidar, é claro... Só não vale mandar corrente de WhatsApp para o Todo Poderoso dizendo “Que Deus o abençoe” porque não vai fazer muito sentido, né?


Gospel Channel com informações da Oddity central

Após gravação de Temer, relator suspende Reforma Trabalhista

Senador do PSDB, Ricardo Ferraço defende que prioridade do Congresso Nacional é dar uma solução para a crise institucional

O discurso de aliados do presidente Michel Temer, de que as revelações da delação premiada do empresário Joesley Batista não vão comprometer o andamento das reformas econômicas, começou a ruir. No final da manhã desta quinta-feira, o relator da Reforma Trabalhista no Senado, Ricardo Ferraço (PSDB-ES), anunciou, em nota à imprensa, a suspensão da tramitação do projeto no Congresso até a conclusão da crise institucional. 

 “A crise institucional que estamos enfrentando é devastadora e precisamos priorizar a sua solução, para depois darmos desdobramento ao debate relacionado à reforma trabalhista”, afirmou o parlamentar. Ferraço acrescentou que “não há como desconhecer um tema complexo como o trazido pela crise institucional. Todo o resto agora é secundário.” 

 Projeto com fortes resistências de sindicatos e movimentos sociais, a reforma consiste em um conjunto de medidas de alteração da legislação trabalhista, centrado no privilégio das negociações entre patrões e empregados, que passariam a ter valor de lei. Ao lado da Reforma da Previdência, é uma das propostas-símbolo do governo do presidente Temer.

Gospel Channel com informações da VEJA

'Não renunciarei', afirma Temer

Presidente afirmou que não teme delação. Segundo 'O Globo', empresário entregou à PGR gravação de conversa com Temer sobre a compra do silêncio de Eduardo Cunha. 

O presidente Michel Temer afirmou na tarde desta quinta-feira (18) no Palácio do Planalto que não teme delação e que não renunciará. Ele fez um pronunciamento motivado pela delação premiada dos empresários Joesley e Wesley Batista, donos da JBS. As delações já foram homologadas pelo Supremo Tribunal Federal. Nesta quinta, o ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF, autorizou a abertura de inquérito para investigar o presidente. 

"No Supremo, mostrarei que não tenho nenhum envolvimento com esses fatos. Não renunciarei. Repito: não renunciarei. Sei o que fiz e sei a correção dos meus atos. Exijo investigação plena e muito rápida para os esclarecimentos ao povo brasileiro. Essa situação de dubiedade e de dúvida não pode persistir por muito tempo", declarou. Reportagem publicada no site do jornal "O Globo" nesta quarta (17) informou que Joesley Batista entregou à Procuradoria Geral da República (PGR) gravação de conversa na qual ele e Temer falaram sobre a compra do silêncio do deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), preso na Operação Lava Jato. 

"Não temo nenhuma delação, nada tenho a esconder", disse Temer. "Nunca autorizei que se utilizasse meu nome", declarou o presidente. Houve, realmente, o relato de um empresário que, por ter relações com um ex-deputado, auxiliava a família do ex-parlamentar. Não solicitei que isso acontecesse. E somente tive conhecimento desse fato nessa conversa pedida pelo empresário", disse. 

Ele afirmou que nunca autorizou que se pagasse a alguém para ficar calado. "Em nenhum momento autorizei que pagasse a quem quer que seja para ficar calado. Não comprei o silêncio de ninguém", declarou. Temer disse que pediu oficialmente ao Supremo acesso ao conteúdo das delações, mas não conseguiu. "Meu governo viveu nesta semana seu melhor e seu pior momento", disse Temer, em referência a indicadores de inflação, emprego e desempenho da economia e à revelação da delação dos donos da JBS. 

"Todo o esforço para tirar o país da recessão pode se tornar inútil", afirmou. Segundo o presidente, "a revelação de conversas gravadas clandestinamente trouxe fantasmas de crise politica de proporção ainda não dimensionada". 

Íntegra do pronunciamento

Leia abaixo a íntegra do pronunciamento de Michel Temer: 

Olha, ao cumprimentá-los, eu quero fazer uma declaração à imprensa brasileira e uma declaração ao País. E, desde logo, ressalto que só falo agora - os fatos se deram ontem - porque eu tentei conhecer, primeiramente, o conteúdo de gravações que me citam. Solicitei, aliás, oficialmente, ao Supremo Tribunal Federal, acesso a esses documentos. Mas até o presente momento não o consegui. 

Quero deixar muito claro, dizendo que o meu governo viveu, nesta semana, seu melhor e seu pior momento. Os indicadores de queda da inflação, os números de retorno ao crescimento da economia e os dados de geração de empregos, criaram esperança de dias melhores. O otimismo retornava e as reformas avançavam, no Congresso Nacional. Ontem, contudo, a revelação de conversa gravada clandestinamente trouxe volta o fantasma de crise política de proporção ainda não dimensionada. Portanto, todo um imenso esforço de retirar o País de sua maior recessão pode se tornar inútil. E nós não podemos jogar no lixo da história tanto trabalho feito em prol do País. Houve, realmente, o relato de um empresário que, por ter relações com um ex-deputado, auxiliava a família do ex-parlamentar. Não solicitei que isso acontecesse. 



E somente tive conhecimento desse fato nessa conversa pedida pelo empresário. Repito e ressalto: em nenhum momento autorizei que pagassem a quem quer que seja para ficar calado. Não comprei o silêncio de ninguém. Por uma razão singelíssima: exata e precisamente porque não temo nenhuma delação, não preciso de cargo público nem de foro especial. Nada tenho a esconder, sempre honrei meu nome, na universidade, na vida pública, na vida profissional, nos meus escritos, nos meus trabalhos. E nunca autorizei, por isso mesmo, que utilizassem o meu nome indevidamente. E por isso quero registrar enfaticamente: a investigação pedida pelo Supremo Tribunal Federal será território, onde surgirão todas as explicações. E no Supremo, demonstrarei não ter nenhum envolvimento com esses fatos. 

Não renunciarei, repito, não renunciarei! Sei o que fiz e sei da correção dos meus atos. Exijo investigação plena e muito rápida, para os esclarecimentos ao povo brasileiro. Esta situação de dubiedade ou de dúvida não pode persistir por muito tempo. Se foram rápidas nas gravações clandestinas, não podem tardar nas investigações e na solução respeitantemente a estas investigações. Tanto esforço e dificuldades superadas, meu único compromisso, meus senhores e minhas senhoras, é com o Brasil. E é só este compromisso que me guiará. Muito obrigado. Muito boa tarde a todos.

Gospel Channel
© 2008-2017 all rights reserved Gospel Channel Brasil
made with by templateszoo