ad

►News

latest

"Templo de Salomão" da Universal já tem fila de espera para visitas. Edir Macedo dispensa a Bíblia para usar o Torah

26 de julho de 2014

/ by TMGC COMPANY - GOSPEL CHANNEL


O Templo de Salomão, obra de mais de R$ 400 milhões da Igreja Universal, já é um sucesso de público. Inclusive de não-fiéis da igreja de Edir Macedo. A procura de visitantes tem sido tão grande que a igreja teve de criar um sistema de credenciamento e limitar o número de visitantes.

Essa fila de espera de não-fiéis já tem em torno de 30 mil pessoas. E esse é o número de pessoas que reservaram o direito de visitar o templo só daqui a um mês! O templo já foi visitado por mais de 60 mil pessoas, até o momento só fiéis da igreja ou seus convidados. 

Embora a Universal esteja fazendo uma campanha dizendo que o templo não é lugar de fazer turismo, milhares de curiosos estão tentando entrar no local todos os dias. Principalmente... turistas. Se não são fiéis, são sempre barrados. 



Os não integrantes da Universal terão apenas do dia 22 ao dia 31 de agosto para conhecer o local. Para isso precisam se inscrever e buscar uma credencial numa igreja mais próxima. Quem for de carro também deve informar isso. Todos são avisados que é absolutamente proibido entrar no templo com celulares ou câmeras fotográficas. Não adianta dizer que o aparelho está desligado porque não vai entrar. E não tem "chapelaria". Ou seja, com máquina não entra e pronto. 

 Há caravanas sendo formadas para visitar o templo de Salomão, que reproduz fielmente a obra citada no Antigo Testamento (ou Torah judaico), não só do Brasil, mas até do exterior –inclusive de Israel. A propósito, muitos religiosos judeus andam postando críticas à construção do templo. Também há judeus favoráveis, claro. Os que são contrários criticam, entre outras coisas, o fato de a Universal estar se apoderando de muitos elementos do Judaísmo. 

Na semana passada, em sermão, Edir Macedo estava até vestindo quipá judaico. Parecia mais um rabino que um pastor. Curioso que nestes tempos de mais uma guerra no Oriente Médio e muitas críticas a Israel, muita entidade tente se apropriar cada vez mais de elementos da religião judaica. E isso nem é exclusividade da Universal. 

A Renascer usa Menorah de decoração do altar e vende até Mezuzahs –um objeto judaico de respeito, que deve ser afixado em portas de casas. 



 São cada vez mais raras pregações bíblicas com citações a Jesus e ao Novo Testamento. Eles usam quase sempre passagens e citações do Torah. Os esforços se concentram mais nas tais correntes para prosperidade (menos fé e mais dinheiro) e, mais recentemente, à suposta cura milagrosa e completa de viciados, por parte do bispo Formigoni e sua equipe.


Coluna Ricardo Feltrim FOLHA - Gospel Channel Brasil
Postar um comentário
Don't Miss
© 2008-2017 all rights reserved Gospel Channel Brasil
made with by templateszoo